26 de abril de 2018

Leiam "ESSE TEXTO"!

Só quero dizer que aqui havia um texto BEM* grande com alguns questionamentos sobre relacionamentos... E eu adiei sua postagem pois encontrei  ESSE TEXTO*  que reflete EXATAMENTE* sobre muitas das pautas que eu gostaria de expor aqui!

Então, se tiverem 20 a 30 minutos de silêncio para uma leitura reflexiva, LEIAM!
Só vim compartilhá-lo!

😚

13 de março de 2018

Re*significar!

Eu nunca deixei de acreditar no amor.
Mas agora eu estou "resignificando-o"
.
.
(PS: Não sei ao certo se essa palavra existe, mas não consigo encontrar outra pra esse momento.)

27 de fevereiro de 2018

Prioridades

Perder o celular e não te devolverem é chato...

Mas vcs já perderam um livro que estava MUITO bom de ler e guardava uma linda e perfumada carta de amor?
É MUITO pior!

21 de fevereiro de 2018

Enquete

Do que TANTO vocês têm medo quando percebem que estão gostando de alguém.
.
.
.
É pra um estudo!

13 de fevereiro de 2018

Conceitos

Abraço
substantivo masculino

1. ato de abraçar, de apertar entre os braços; amplexo.
2. fig. demonstração de afeto, de amizade.
"Mandou um a. a seus alunos".
3. p. metf. junção ou união de coisas ou pessoas; aderência, fusão.
"o a. de duas nações unidas".
4. arq entrelaçamento de folhagens lavradas à volta de uma coluna.
5. morf. bot infrm. m.q. GAVINHA.
6. substantivo masculino plural.
ANGIOS P
m.q. ENLEIOS ( Cuscuta scandens )

Conceito Google
.
.
Abraço
Momento em que você pode sentir as batidas de um coração que não o seu.

Talvez do seu também. Ao mesmo tempo.
Você não sabe ao certo de qual coração elas são provenientes.

Conceito Giovanna Andrade

11 de fevereiro de 2018

Incontrolável!

Aquela rasteira que a vida te dá quando você está se sentindo tão bem desfrutando apenas da sua doce companhia e acreditando que estar só é o que você mais precisa e ela se une a aquele moleque arteiro chamado Destino pra te mostrar que "baby, olha como você é inocente achando que sabe o que é melhor pra você. OU PIOR, achando que pode controlar o momento certo pra pessoas incríveis aparecerem".

Hunf... Tolinha!

6 de fevereiro de 2018

Constelação de Orion

Dentre muitas outras coisas (ótimas!) que o verão do hemisfério Sul proporciona, uma delas é a alta visbilidade da Constelação de Orion, uma das mais famosas por ser composta por estrelas muito brilhantes e fáceis de serem reconhecidas.
Um bom exemplo é o famoso trio Alnitak, Alnilam e Minatka, que compõe um cinto cujo nome artístico é "Três Marias", que pode ser utilizado como referência na hora de localizar a constelação de Orion por formar um padrão facilmente reconhecível no céu.
Tríade, trinômio, trindade, trímero, triângulo, trio, trinca, três, triplo, tríplice, tripé e muitos outros conjuntos de 3 representam exemplos de perfeição no universo. Espiritualmente falando o número 3 também vem associado ao poder da unidade entre corpo, mente e espírito, uma trindade deveras estudada e discutida e que, assim como a constelação de Orion, nunca deixa de surpreender com seus mistérios.
Tive o prazer inenarrável de me deparar com elas três ontem, ao acordar! Esse fato fica mais valorizado ainda quando eu digo que as vi a olho nu e pela manhã! Posso me considerar uma garota de sorte, não sei quantas pessoas já tiveram um momento desses na vida, mas acredito fazer parte de um grupo pequeno e para ter esse momento registrado não somente na minha memória eu tirei uma FOTO. (Lembrando que essa foto se trata de um registro amador, com celular apenas, luz natural, nenhuma chance de ser a foto que esse momento merecia. Mas foi o que estava ao meu alcance!)

Eis meu humilde registro de um momento cuja infinidade não pode ser mensurada em palavras. Trata-se de algo que gira em torno de 1300 anos luz de nós, meros mortais. E eu tive a sorte, a chance, o prazer de registrar numa manhã de Fevereiro, no alto do Moreira Salles, num momento despretencioso, algo que está, na verdade, so far away from me.

29 de janeiro de 2018

Doida

Me diz
Se eu to ficando louca
Eu só preciso
Saber.



27 de janeiro de 2018

A bailarina.

Frequentemente me pego em dúvida quando me perguntam: "Ah, você é bailarina?".
Explico.
O que define uma pessoa LITERALMENTE como bailarina? Certificado da Royal? DRT? Faculdade? Se for em alguma dessas opções burocráticas a resposta é fácil, não sou.
Eu comecei a dançar aos 3 anos, parei dos 13 aos 18 e desde então, aos trancos e barrancos, nunca mais larguei mão do ballet, ou seja, por aí temos quase 20 anos de plies e de quintas posições que NUNCA fecharam!
Se eu danço? Sim. Isso me torna bailarina? Não sei.
Mas e quem coloca o collant, a saia e a sapatilha e representa uma dança? Pode ser considerada uma bailarina?
Venho concluindo que provavelmente essa bailarina seja meu alter ego.
E nessas caminhadas pelo "entorno" (palavra adquirida há pouco.) da 24 de Maio, enquanto "todos" estão em horário de trabalho, venho me misturando frequentemente à bailarina e levantando diversas dúvidas.
A bailarina expõe muito do que há dentro de mim. A bailarina se parece TANTO* com quem eu queria ser que eu chego a me perder. A bailarina representa um passado mas também representa muito do que eu quero pro meu hoje, pro meu agora. A bailarina me deixa confusa, paradoxal e contraditória. A bailarina têm me feito praticar aquela educação do: "Eu agradeço esse pensamento e o deixo ir!". A bailarina me faz duvidar da liberdade que eu tanto prezo. A bailarina me faz ver poesia onde tem e onde não tem. A bailarina erra e acerta sobre a Giovanna e a Giovanna erra e acerta sobre a bailarina. A bailarina me faz dançar conforme uma música que só eu escuto. A bailarina as vezes me deixa com um sorriso bobo no rosto, as vezes me deixa orgulhosa, as vezes me deixa envergonhada, as vezes me deixa fake. As vezes a bailarina está bem dentro de mim, as vezes ela surta, as vezes ela não quer dançar.
Fato é que essa história da bailarina ter vindo à tona nesse momento de começo de ano, tá me fazendo questionar, refletir, repensar, tá me fazendo bem. Isso é um ponto a ser levado em conta, aliás. A bailarina pode até confundir minha arte, as vezes. Mas ela nunca me deixa SEM a arte. E isso é fundamental.
Não sei responder ainda a pergunta sobre eu SER* bailarina. Mas que dentro de mim mora uma bailarina um pouco caricata e talvez menos técnica do que se espera de uma clássica, sobre isso não nos resta dúvida alguma. Se o que importa é a paixão e não o ontem ou o amanhã, a bailarina vai continuar bailando seus saltos por aí pelo centro antigo, bem solta, ousada e livre. Como deve ser!
.
.

20 de janeiro de 2018

Desmistificando o relógio rosa

Hoje não vai dar MESMO pra ir ao ballet...


(E ainda bem que eu não bebi energético!!)

16 de janeiro de 2018

Só quero uma resposta HONESTA!

A primeira noite que a gente dorme sozinho depois de anos dormindo juntos é a pior da vida?
Ou virão piores?
.
.
Só pra eu me preparar!

18 de dezembro de 2017

Virgem

Virgem é carente e gosta de ganhar a atenção. Vejam bem que eu não disse "chamar" a atenção, como se fosse Leão. Eu disse GANHAR mesmo! Eles querem ter o mérito da atenção!
São carinhosos as vezes, um pouco cabeça dura, precisam ser convidados pra tudo e é um pouco trabalhoso e cansativo fazê-los mudar de opinião.
Beijam incrivelmente bem, se entregam sem medo e são perfeccionistas também no modo de satisfazer.
Não é um texto tirado de nenhum site de astrologia, nem de nenhum Uol da vida.
É um texto baseado em fatos reais.
Para os virginianos que não acreditam em signos!
.
.
Lembrando que eu sou Libra do primeiro decanato, pézinho em Virgem!
Boa noite.

13 de dezembro de 2017

Passatempo...

"Eu já tinha até me esquecido o quanto você fica linda quando está apaixonada!"

 "É, eu sei... É porque esse é meu hobby favorito!"

12 de dezembro de 2017

Sobre deixar ir...

Por que o abraço fica tão mais apertado quando a gente sabe que está perdendo?
Por que a conchinha na cama encaixa tão melhor quando a gente sabe que são as últimas noites juntos?
Por que o gosto do beijo fica tão melhor quando a gente sabe que precisa parar de beijar a pessoa?
Por que fica tão mais difícil ficar longe quando a gente sabe que é isso que a gente precisa?
Quão evoluído a gente REALMENTE precisa ser pra "deixar ir" quem a gente ama, mesmo sabendo que isso vai ferir nosso ego.
Por que é tão bom estar acomodado? Por que é tão errado estar acomodado? Por que é tão pesado estar acomodado? Por que a gente se culpa tanto por ter se acomodado? Se o ser humano automaticamente se acomoda..?
Deixar ir significa também *ME* deixar ir. E como a gente tem medo de ir. Pra onde quer que seja. A gente tem medo.
Quanto tempo demora entre a gente decidir que PRECISA se separar até a gente ter a coragem necessária pra arcar com as consequências disso?
Por que dói tanto quando a vida esfrega na sua cara que "oi baby, vc achava que era desapegada graças ao seu signo de ar, então agora eu quero ver!"?!
.
Eu falei alto todos os meus problemas pro Marlon, descobri que eu sei as respostas da maioria deles. E por que eu ainda não resolvi, então?! Não dizem que o primeiro passo é ter consciência do problema? Se eu já tenho, pq ainda não fui pro próximo passo, então?!
.
Pula, linda! É só pular!

10 de dezembro de 2017

Record

Ele é mimado.
Ela é mimada.
Ele quer do jeito dele.
Ela quer do jeito dela.
Ele é nervoso.
Ela é calma.
Ele fala.
Ela pensa.
Ele quer e foge.
Ela quer e assume.
Ele desiste.
Ela tenta.
Ele briga.
Ela harmoniza.

Eles são um exemplo do clássico e clichê casal que por serem tão opostos nunca se pareceriam um casal. Até se descobrirem casal. Até se permitirem casal.
Que sorte o destino ter proporcionado essa chance deles descobrirem.
Se não lhes tivesse aparecido a oportunidade, eles iriam seguir acreditando se odiarem.
E advinha o que era, na verdade?
Isso mesmo.
Acertou!
A velha história dos opostos. Já contada em tantos filmes de Sessão da Tarde. Que sempre faz sucesso. Que sempre tem público. Que a gente sempre se identifica.
.
.
Pra dizer a verdade, eu já nem me lembro "Como eu era antes de você"!



See you soon, Mr Higgins!

6 de dezembro de 2017

Agora é isso...

INGUIADO
.
.
Aprendi essa nova palavra.
Não me pergunte a que preço!

10 de novembro de 2017

Next level

No último post que eu falei sobre profissional eu estava querendo ser estagiária.
E eu já sou.
Desde o dia 21/08.
Desejei um degrau e alcancei.
Agradeci MUITO.
E agora, HOJE, estou a um passo do próximo degrau.
Que eu desejo há tempos.
.
Wish me lucky!
Sorte!

23 de agosto de 2017

Touro

É sempre touro.
É SEM.PRE touro.
Se é um carma astrológico, se é uma mera coincidência, se é uma piada comigo...Não sei!
Mas os melhores, os que me arrepiam, os que dão medo, os que me deixam sem ar, sem reação, sem frio, sem sono, sem CALMA... São SEMPRE taurinos.
Cada um que eu descubro tenho vontade de rir. "NÃO É POSSÍVEL", eu penso. Mas é. Só não sei como.





É MUITA SINTONIA. SOCORRO!

13 de julho de 2017

Estagiária

E agora eu inventei que eu quero ser estagiária.
Isso mesmo. Daquelas que ganha pouco e trabalha muito. Se fosse em ADM eu seria a menina do café. Bem feliz. Ia ser o melhor café do mundo. Nem que se não fosse uma Nespresso eu aprendesse a fazer café. Até de coador, se precisasse.
Mas é de Educação Física. Então provavelmente eu vou ser a menina que recolhe os materiais e guarda numa salinha.
E ok.
Sem me julgar.
Agora to brincando de currículo, de Nube, de CIEE, de Catho, de google...
Pra registrar aqui que as minhas exigências são poucas.
Quero um trabalho que eu esteja feliz. Que eu não sinta que estou vendendo minha alma, minha sanidade e minha saúde. (De preferência que eu passe mais tempo com crianças que com adultos, mas isso é um lucro, se vier!). Que eu possa entender pequenas felicidades da vida como dormir cedo durante a semana, ficar de pijama domingo inteiro, pintar as unhas quando der vontade e não ter que segurar o xixi por horas por excesso de trabalho.
Eu quero começar a colher algo.
Não sei por quanto tempo eu vou querer isso. Mas agora é isso que eu quero e é isso que eu quero que o universo queira pra mim. Tomara que eu seja feliz assim.
Prevejo que essas férias são o fim de uma vida que "valeu, foi bom, adeus!" e o começo de uma nova, assustadora, talvez pobre (ou não!) vida mais ativa, mais movimentada, mais saudável e mais prazerosa.
Tomara que eu não volte aqui apenas daqui 10 anos pra contar os próximos capítulos dessa novela! Tomara que cheguem logo as minhas novidades e meus agradecimentos!
Torçam por mim!
Pq eu acho que só eu vou ler isso, e eu estou torcendo!!!
Boa noite.

19 de abril de 2017

As vezes eu puxo sabendo que meu corpo não vai aguentar.
As vezes eu puxo implorando pra ele aguentar. Gritando que é só mais um pouquinho, que logo vai passar. E ele vai descasar. Todos nós: Corpo, alma, mente, coração. Quero acreditar que não estou me enganando.
.
.
Eu estou exausta. Onde foi que eu me escondi ou me perdi de mim?

22 de setembro de 2016

...de novo, tentando ressuscitar!

E eu... Que não gostava de barba... Até gostar de você!

20 de janeiro de 2014

Agora é a hora!

Minha última postagem foi do dia 8/05/2012.
Hoje é dia 20/01/2014.
São 2:40 da manhã de uma madrugada que eu quis MUiTO* ir pra Gambiarra mas não fui pq só dormi 3 horas de ontem pra hoje e amanhã estou dobrando.
E agora, na cama, o sono não vem.
É claro que isso aconteceria.
Mas diante do meu plano de reativar o blog, depois de tudo o que eu pensei e senti essa semana, depois de ler tantos posts que nem lembrava que existiam, depois de ler comentários tão lindos, eu tive certeza! Hoje é o dia certo pra eu "despertar" o blog.
Nunca postei no blog daqui do celular. Nem sei se vai dar certo. Deve ter mais de um ano que eu não ligo meu computador, talvez ele exploda quando eu tentar ligar.
2014 acabou de começar.
Eu quero escrever meu ano. Eu quero traçá-lo e não deixá-lo "A Deus Dará", como dizem.
E tenho certeza que retomar o blog vai me ajudar com isso.
O que já aconteceu esse ano:
-Thay me cedeu sua casa por Janeiro e eu estou apaixonada pela ideia de ter a Aninha como roomate. (e pela de morar nessa região também!)
-Leon fez a fada madrinha do Carnaval e esse ano vai ter Vai Vai de novo.
-O Outback do Frei Caneca me fez descobrir que sou brava, mas na verdade acho que isso é uma conquista pra alguém que passou boa parte da vida sendo passiva mesmo quando não devia.
-Amor e eu vamos fazer 2 ANOS e isso não entra na minha cabeça de jeito nenhum!
-Eu definitivamente me apaixonei por um ser de 4 patas!
-Os astros continuam caçoando de mim sempre que há chance. E é sempre no mesmo lugar do zodíaco. Cada dia eu me conformo menos com o fato de as pessoas não acreditarem neles.
.
.
Tá, tá parecendo um diário atrasado. Mas por enquanto não tem problema.
Com o tempo eu retomo a forma e o ritmo. Por enquanto o que eu precisava mesmo era de um pontapé inicial. Se vier um comentário do Marlon e um da minha mãe pra mim já é mais que suficiente. É o começo do ano. É o começo da volta. Eu "cresci" e tenho cergeza que o blog agora vai ter novas ideias e caminhos.
.
.
Agora tomara que o sono venha... Senão lascou amanhã!!!

8 de maio de 2012

Amor*

"Ela me faz tão bem, ela me faz TÃO* bem..
Que eu também (TENTO) fazer isso por ela!"










..sem limites!

2 de abril de 2012

9 de março de 2012

Alzheimer - Dia da Mulher

(Claro que pode parecer esquisito eu começar o texto do Dia Internacional da Mulher falando sobre uma doença.. E claro que é mais esquisito ainda que apareça aqui em cima que já é dia 9 e não mais dia da Mulher mas tudo isso será explicado!)

Outro dia parei pra pensar em uma coisa: eu nunca vi um homem com Alzheimer!
Hoje, quando pensei nesse post, procurei no Google e confirmei: Alzheimer é uma doença que atinge mais as pessoas do sexo feminino.

E pq Alzheimer? E pq no Dia da Mulher?

Simples na minha cabeça!
Todas as senhoras que eu já vi com essa triste doença apresentam as mesmas condições: são, em sua maioria, saudáveis, não apresentam nenhuma outra doença exceto as causadas pelas quedas e acidentes próprios do Alzheimer e, geralmente, passaram a vida toda sendo Super-Mulheres!

O meu post vai aparecer datado de 9 de março pois eu também faço parte desse time. Sim, sem modéstia alguma posso afirmar que sou também Super Mulher! O dia foi cheio desde cedinho e só agora que eu pude sentar em frente ao notebook e li tudo que escreveram sobre essa data! Essa era digital é bem interessante pra descobrir quantos milhares de pensamentos podem existir sobre um mesmo assunto.. Cansei de ler sobre o quão incríveis somos por conseguirmos fazer tudo com jeitinho feminino, suportarmos dor do parto e do salto, sermos Super-Mães, Super-Esposas, Super-Amantes, Super-Filhas, Super-Chefes, enfim..Temos que fazer tudo que a vida nos destina e elegantes, depiladas, unhas feitas e se choramingamos um pouquinho quando elas lascam, somos frescas!
Até sobre a briga do feminismo X anti-feminismo eu li, num post que faz pensar muito sobre essa discussão e sobre os prós e contras de cada um (vale até a pena ler: http://sapatomica.com/5860/8-de-marco-dia-das-mulheres/ )..

Enfim.. Li tudo que postaram depois do meu abençoado (e cansativo!) dia e resolvi postar sobre as vítimas do Alzheimer pq na minha cabeça é muito claro o motivo dessas super mulheres um dia simplesmente "pifarem" depois de anos sendo incivelmente impecáveis!

É ÓBViO* que as mulheres seriam mais vulneráveis a uma doença dessa da cabeça do que os homens!
Tudo dói mais no nosso corpo!
Tudo é mais complicado na nossa cabeça!
Tudo aperta mais no nosso coração!

Se os homens passam (NO MíNiMO*) a hora do futebol com cerveja sem pensar em nada, nós até quando estamos vendo novela (quem é de novela), lendo (quem é de ler) ou no computador (quem é das redes) somos seres pensantes, maquinamos situações e problemas que podem nunca chegar a existir só pra nos sentirmos prevenidas caso venham a acontecer..
Tentamos fazer dos nossos homens os seres mais felizes do universo dando tudo que eles jamais seriam capazes de absorver como felicidade..
Buscamos um mundo em que as pessoas se ouçam e se compreendam com calma e de um modo certeiro, sem ser agressivo! Prático sem ser falho! Enfim.. Buscamos o impossível o tempo todo e principalmente, acreditamos que somos capazes de realiza-lo! Independentemente de quantas vezes o mundo tente nos convencer que o impossível é somente impossível e que esse seu posto é imutável.. Nunca nos damos por satisfeitas.

Birrentas, frescas, sensíveis, choronas, frágeis, inocentes.. Sexo frágil, como eles* adoram dizer, sempre que desejamos!
Fortes, guerreiras, líderes, focadas, obstinadas, e até malvadas sempre que necessário.

Compreensível que sejamos vulneráveis a um "tilt" depois de anos!
Somos, TODAS, super Mulheres! Cada uma no seu papel.

Parabéns pra nós!
Que ser mulher nunca nos faça sentirmos menores!

6 de fevereiro de 2012

"Ei mãe, eu tenho uma guitarra elétrica!"

.


Olá mãe.

Já que as coisas entre nós não andam sendo ditas e sim apenas lidas e (in)compreendidas pela metade ou não, aqui vai um pouco do que eu tenho (ou teria) pra te dizer hoje.

Como é triste estar decepcionada com a senhora.

JAMAiS* pensei em toda minha vida que fosse sentir o que estou sentindo nesse momento pela sua pessoa, é quase um desprezo. De tão ruim, é quase nada.

Você mesmo vive dizendo por aí que as pessoas só conhecem seus maridos\esposas quando vão se divorciar... Que triste exemplo tivemos hoje a noite, de repente sinto que conheci a minha verdadeira mãe e que toda aquela pessoa que eu admirava não passou de uma ilusão... Sim, uma ilusão pode durar 21 anos, é claro... Poderia durar até a vida inteira! Mas que sorte não ser assim. Que sorte eu ter conhecido e visto a senhora pisar em cima dos valores que eu achava que tinha aprendido através dos seus ensinamentos. Que sorte a minha ter a chance de vê-la caindo na maior contradição de toda a sua vida e, num momento IRREVERSÍVEL, ferir o coração da sua própria filha. É como se a partir de hoje eu tivesse decidido, é o divórcio que eu quero! E enquanto ele não sai, o que eu quero é a maior distancia possível!
A partir de hoje não dividiremos mais a mesma cama. Vou dormir na minha cama mesmo que eu ache que você está se sentindo sozinha... Ou vou no sofá se estiver com preguiça de arrumar a minha cama!

Você sabia que eu costumava te admirar? Você sabia que eu costumava ter orgulho ao falar sobre a senhora?
Que triste vai ser a minha vida a partir dessa noite, não sei mais quem é a minha verdadeira mãe e nunca, JAMAIS, vou esquecer as coisas que me disse com o único e exclusivo propósito de me ofender.
Dizem que amor de mãe é incondicional, mas agora, pela primeira vez, eu sinto que amor de filha TAMBÉM É! A mágoa que eu sinto nesse momento no meu coração traduz o quão intenso e grande é o meu amor pela senhora. Como é triste descobrir que alguém que nós amamos e admiramos é capaz de nos machucar com tamanha intensidade. (E olha que a senhora é a SEGUNDA* pessoa a me fazer sentir essa dor nessa semana. Mas a ÚLTIMA que eu imaginaria que iria me fazer senti-la!)

Desulpe por ser seu maior projeto e falhar!

Porém a vida é quem dita os nossos caminhos e eu NUNCA* IMAGINEI que poderia te fazer sofrer... Já a senhora, deve ao menos ter imaginado o quanto poderia machucar (e machucou!) com as suas palavras... Perdão algum vai me fazer esquece-las, pode ter certeza.

É um texto cheio de mágoa.
Eu espero, de coração, que o tempo diminua o tamanho da decepção que você me causou hoje... Porém acho difícil que ele me faça ESQUECE-LA!

Pode ser que eu te perdoe um dia... Pode ser até que doa menos lembrar de tudo que você me disse... Mas hoje, nesse momento, só o que eu quero é ficar longe da senhora e parar de sentir a vergonha que eu sinto!

Boa noite.



(Essa música era moda entre os meus amigos quando eu tinha entre 13 e 14 anos... Nunca imaginei que ela viria a fazer sentido na minha vida com VINTE E UM anos! Soa tão adolescente esse tipo de clamor, mas ela traduz exatamente o que eu sinto nesse momento.)

11 de janeiro de 2012

Happy 2012!!!

Olá Novo Ano!


Não houve um post denominado "último do ano" pois os últimos tempos do ano foram realmente corridos e cheios de explosões de sentimentos e afazeres!
Então aqui vai um "primeiro post do ano"!
Com um apanhado de coisas e textos e palavras e tudo mais que eu ando grifando e querendo postar!

Tudo junto e misturado!

Assim como foram feitos os meus pedidos de Ano Novo enquanto eu pulava as 7 ondinhas tentando não perder a conta e não esquecer nenhum pedido e pedir sem perder ondinhas e lembrar que ele estava lá, daquele jeito, tão perto e tão longe.

Chegamos no ponto.

Tudo é ele
!
E tudo anda sendo ele por todos esses últimos e primeiros dias!
E todo o tempo!
Eu não sei se ele lê ou já leu tudo que eu escrevi pra ele durante todo esse tempo. O fato é que foram muitas coisas e que, agora, já é quase impossível ler ou escrever algo que não me lembre ou não queira significar algo a ver com ele! Ele me disse ontem que escrever é mais fácil que dizer. Mas não, escrever é sublime, é tirado da alma. Às vezes o simples "dizer" é tirado da boca e tão facilmente não vem do coração.
Já o escrever, pelo menos o meu, vem de dentro, de tudo que me toma cabeça, coração e espírito.
E nesse momento tudo é ele.
Dito sem medo pois tudo que é meu eu já o entreguei. E se era pra ser estrago, já está feito.
E me deixe assim enquanto eu posso.


"Faço TUDO* pra chamar sua atenção, de vez em quando eu meto os pés pelas mãos. Engulo a seco o ciúme quando alguma apaixonada quer tirar de mim sua atenção!" (Henrique Cerqueira - Pensando em Você)

"Sim, doutor, eu sofro demais, choro demais, sinto demais, sou intensa demais, diferente demais." (Mallu Magalhães - Gloss Outubro 2011)

"Eu seria mais feliz se eu não me achasse melhor do que a minha vizinha. Mas eu sou infinitamente melhor que ela. Eu e minhas crises de ansiedade somos seres solitários, arrogantes e multiplicados por megalomanias. São mil vezes cem anos de análise e nada. Eu continuo me achando melhor que o amor igual e idiota que se oferece por ai. Melhor do que os casais e seus dilemas de festas de finais de ano e seus sonhos de vestidos brancos e seus cachorros e sacadas de predinhos neoclássicos e planos médicos familiares. Chato, chato, chato." (Meninos de costas - Tati Bernardi)

"Há muito tempo, conta Aristófanes, havia deuses no céu e seres humanos na terra. Mas nós, seres humanos, não éramos como somos hoje. Tinhámos duas cabeças, quatro pernas e quatro braços: em outras palavras, éramos a fusão perfeita de duas pessoas, unidas de forma inteiriça num único ser. Havia três variações sexuais possíveis: fusões macho/fêmea, fusões macho/macho e fusões fêmea/fêmea, dependendo do que combinasse melhor com cada criatura. Como já tinhámos o parceiro perfeito costurado no próprio tecido do nosso ser, éramos todos felizes. Assim, todos nós, criaturas de duas cabeças e oito membros, perfeitamente satisfeitas, percorríamos a terra como os planetas viajam pelo céu: sonhadores, ordeiros, sem sobressaltos. Não sentíamos falta de nada; não tinhámos necessidades desatendidas, não queríamos ninguém. Não havia conflito nem caos. Éramos inteiros.
Mas, em nossa inteireza, ficamos excessivamente orgulhosos. E com esse orgulho, deixamos de adorar os deuses. O poderoso Zeus nos puniu pela negligência cortando ao meio todos os seres humanos de duas cabeças, oito membros e total satisfação, criando assim um mundo de criaturas sofredoras e cruelmente separadas, com uma cabeça, dois braços e duas pernas. Nesse momento de amputação em massa, Zeus impôs à humanidade a mais dolorosa condição humana: a sensação surda e constante de que não somos inteiros. Pelo resto da eternidade, os seres humanos nasceriam sentindo que faltava alguma coisa - a metade perdida, que quase amamos mais do que a nós mesmos - e que essa parte que faltava estava por aí, em algum lugar, girando pelo universo na forma de outra pessoa. Também nasceríamos acreditando que, se procurássemos sem parar, talvez um dia encontrássemos aquela metade sumida, aquela outra alma. Pela união com o outro, voltaríamos a completar a nossa forma original e nunca mais sentiríamos a solidão.
Essa é a fantasia singular da intimidade humana: um mais um, de certa forma, algum dia, será igual a um.
Mas Aristófanes avisou que a realização desse sonho de completude pelo amor é impossível. Como espécie, estamos despedaçados demais para algum dia nos consertarmos com uma simples união. As metades originais dos octópodes humanos cortados e separados se espalharam demais para que algum de nós consiga encontrar de novo a metade que falta. A união sexual pode fazer alguém se sentir temporariamente completo e saciado (Aristófanes conjecturou que Zeus deu aos seres humanos o dom do orgasmo por pena, especificamente para que pudéssemos nos sentir unidos de novo por algum tempo e não morrêssemos de depressão e desespero), mas, no fim das contas, ficaremos sozinhos. Assim, a solidão continua, o que nos leva a várias uniões com as pessoas erradas em busca da união perfeita. Às vezes, podemos até acreditar que achamos a outra metade, mas o mais provável é que tenhamos achado alguém em busca da sua metade, alguém igualmente desesperado para acreditar que encontrou em nós a completude." (Liz Gilbert - Comprometida)

"Então você não é real!" (Ele - Ontem no carro)

Tá bagunçado é?!
Tenta imaginar a minha vida então!
2012 acabou de começar eu já tive uma noite do maior amor do mundo e uma crise da maior TPM do mundo. Já quis a minha demissão do Outback e no dia seguinte não queria ir embora mesmo depois de dobrar e passar o dia inteiro por lá. Já comi hamburguer com batata recheada e batata frita com queijo e bacon antes de ir pra cama dormir e no dia seguinte não acordei pra primeira aula de ballet do ano!
Tudo está paradoxal!
Será que isso é o MEU 2012?

Sei de nada!
Só sei que tem Vai Vai em Fevereiro e que em Junho (ou em Agosto, se não der em Junho) quero estar lá visitando meu baby brother e fazendo todas as compras que eu tenho direito em território norte americano.
E só o que eu sei do meu ano é isso.
E que eu preciso pagar o IPVA!


...Eu acordei brava por causa de 333 Kinder Ovo's e ele brigou comigo por 333 ciúmes!!!

3 de dezembro de 2011

A VERDADE..

..é que NiNGUÉM* sabe o que há entre nós dois!

SÓ A GENTE SABE!
SÓ A GENTE ENTENDE!

22 de novembro de 2011

"Todos os homens num só, e ele é MEU*!"



"Meu demonio mais secreto e eu juro que ele é deus!"

2 de novembro de 2011

Feriado 2/11

Quando é dia dos namorados eu invento de comemorar o Dia do Amor (leia o post!)..
Hoje que é Finados, eu inventei de comemorar o Dia dos VIVOS*!

É claro que sim!
Quantas pessoas estão VIVAS e pior, próximas e nós não conseguimos homenagear nem nos esforçamos pra estar junto com elas?

É um dia triste mesmo, mas, no meu mundo, ele serve pra lembrar com carinho das pessoas que amamos porém estão distantes por motivos que podemos mudar ou não. Pensar em formas de acabarmos com essa distancia ou em soluções pra, pelo menos, diminuirmos a tal!

Eu não vejo meu pai há 6 anos. O último encontro foi quando eu fiz 15 e, antes disso, não o via há 5 anos.. Quer dizer.. Somando vão-se 11 anos de distancia e eu morro de medo que eles virem eternos, sabe essas coisas que a gente não sabe sobre a vida?!

Ele está longe.. Infelizmente talvez a minha preocupação com esse risco seja maior que a dele pelas nossas posições, eu de filha ele de pai.. Mas isso não muda o fato de que ele perde/perdeu boa parte da minha vida.. E vejo que alguns pais estão tão próximos de suas bailarinas e talvez mesmo assim não façam o possível pra ve-las..

O mesmo acontece entre irmãos, amigos, tios, parentes.. E como é triste!
Quando alguém morre tudo vira dor e saudade, mas como é possível que a, estando vivos, não nos comprometamos a estar com as pessoas amadas e queridas o máximo de tempo que pudermos?
O pior é que não é nossa culpa..

A vida distrai a gente!

Essa é a verdade!
Estamos sempre cheio de compromissos com trabalho e estudos e só paramos REALMENTE de pensar e viver todo o nosso próprio caos quando uma fatalidade acontece com alguém querido e nos OBRiGA*, da forma mais cruel, a valorizar a presença dessa pessoa.. Tarde demais!

Hoje é dia de Finados!
Eu perdi duas pessoas GiGANTEMENTE importantes que eu me lembre e que me doa.. A minha linda Avó Yone e o meu querido amigo Cauê!
E não é que no dia de hoje eu não tenha pensado e nem sentido falta deles aqui perto.. Eu senti e essa saudade doeu sim.. Mas doeu EXATAMENTE igual dói TODOS* os dias da minha vida!
Hoje não foi diferente!
Apesar disso, hoje foi um dia excepcional por ter recebido essa foto por e-mail:




Esse é meu irmão mais novo.
Eu me sinto responsável por não conhece-lo pessoalmente ainda, e me sinto pior por pensar que ele sabe que tem uma irmã e nunca pôde abracá-la nem beijá-la nem sentir seu cheiro..
Hoje é Finados.. Mas mais que homenagear aos mortos, resolvi focar nos VIVOS*!
Meu irmão está vivo e está ENORME!
Hoje nasceu meu próximo objetivo: Assim que puder marcar minhas férias vou fazer o possível e impossível para que eu consiga passar um mês com esse gostoso vestido de Luigi na foto.
Não posso deixar que o tempo passe e eu seja uma lenda pra ele! Quero que ele pelo menos me conheça, me admire, me adore, dance e pinte comigo e se vista de Luigi quando eu estiver por lá!
É esse meu próximo objetivo.
E eu não vou deixar que a vida me distraia dele!




Boa noite a todos!

22 de outubro de 2011

Arte!

Théâtre du Soleil me encheu de esperança com relação à arte e ao mundo!
Que espetáculo de espetáculo!
Queria fazer parte, queria estar junto, queria ver 10 vezes!

Queria mais que estudar e trabalhar com ela, queria escutá-la por uns 10 anos! Todos os dias! Aquela mulher deve ser um POÇO de sabedoria, ensinamentos e sensibilidade!

Minha eterna gratidão e admiração à ela, Ariane Mnouchkine, e a todos atores e artistas envolvidos no espetáculo! Meu sonho era poder trabalhar assim, sendo não só atriz, mas ARTiSTA, CRiADORA! É disso que eu to falando! É em busca disso que eu vivo.
Que delícia saber que existe!

Boa noite!

18 de outubro de 2011

eu lhe gosto.

ele abusa de mim e eu deixo.
eu lhe gosto.

ele apronta, apronta e eu perdoo.
eu lhe gosto.

ele dá em cima de muitas e no fim vem dizendo no meu ouvidinho baixinho que eu sou a melhor de todas, que comigo é diferente, que é de verdade.. mesmo não querendo, eu acredito.
pq eu lhe gosto.

ele aparece bebado, cheirando cerveja, me chama de amor e eu reelevo o resto.
eu lhe gosto.

ele me tem quando quer. e quando não quer me mata de saudades.
eu lhe gosto.

eu passo por cima do meu feminismo, da minha auto-suficiencia, da minha independencia..
pq eu lhe gosto.

eu vomito minha raiva num sms e depois me arrependo pela falta de resposta.
mas eu lhe gosto.

eu o faço dormir com carinho, massagem, conchinha, cobertor, beijinhos..
eu lhe gosto DEMAiS*!

ele demonstra ciúmes, eu dou risada e me justifico, mesmo sabendo que são pseudo-ciúmes..
eu lhe gosto..

ele me leva pra sua cama e faz eu me sentir dona dela.
eu lhe gosto.

eu lhe encho de presentes e amor o quanto posso.
eu lhe gosto.

eu lhe divido com outras tantas e mesmo assim fico completa com o pouquinho dele que me resta.
eu lhe gosto.

eu já arrumei a casa dele, já passei uniforme pra ele, já fiz comida pra ele..
eu lhe gosto MESMO!

eu lhe espero com toda paciencia do mundo após seus sumiços e cobro carinho e amor que ele deixou de me dar.
eu lhe gosto..

eu o quero há 8 meses. e o tenho há 6. e o desejo eternamente.
eu lhe gosto.

eu odeio lhe gostar. e odeio tanto que não passo um dia sequer sem pensar nele.
eu lhe gosto TANTO.. e COMO* gosto!



10 de outubro de 2011

Boas noites s2!

"Eu já sei a solução das nossas vidas."
ele disse.

"Noites iguais a essa todas as noites!"
ela pensou.

(acordei cheia das marcas do nosso amor.)

2 de outubro de 2011

Novo ano!

To com 21 anos.

To indo pra balada com meu próprio carro.
Fui pro primeiro Rock In Rio da minha vida. E foi a viagem mais Rock'n'Roll da minha vida.
To apaixonada de novo.
Só faltam 5 quilos pra chegar ao meu peso ideal! (E uns 15 cm a menos!)


ESSAS SÃO AS NOViDADES!

28 de setembro de 2011

Exercitando a paciencia, a calma, o tempo, zZzzzZzz

O sofrimento não vai embora mais rápido quando temos uma pessoa incrível por perto?




Tá, lembrei, ok... Tenho que ter calma... Tenho que esperar, JÁ SEI!!!

20 de setembro de 2011

Aniversários Giovanna*!

Ok.. Mais um ano se foi, mais um ano chegou! E eu quero convidar TODOS* pra comemorarem (BASTANTE) junto comigo!

Domingo - 25/09
*Fradique (Rua dos Pinheiros 877, Pinheiros) - só um esquenta!
*Gambiarra (Rua Henrique Schaumann 794, Pinheiros) - pra dançar até de manhã!

..e pra quem não puder em nenhum dos dois, tem mais!!

Segunda-feira - 26/09
*Garuda Bar (Rua Serra de Bragança 584, Tatuapé)

Espero que todos que são fofos e queridos apareçam!!
Beijos!!

16 de setembro de 2011

Duvidinhas!

Preciso de um comentário!
Há anos ninguém comenta e isso está realmente me incomodando e me fazendo pensar se o problema sou eu, se a minha fase esquisita está refletindo no meu blog e, para resolver tal questão, vou escrever um post só de perguntas! Espero que, pelo menos pra alguma delas, alguém me dê uma resposta!



~*~*~*~



Podem ANSiEDADE e LERDEZA andarem juntas no mesmo um metro e meio?
Posso querer algum sinal de alguém que não viu sinal ALGUM meu?
Como fazer alguém perceber que está rolando um ENORME interesse sem assustar a pessoa?
Uma nova paixão, uma nova descoberta, uma nova pessoa, uma nova possibilidade, uma nova alegria não serão suficientes pra tornar velha uma decepção vivida?
Qual o caminho correto pra conquistar alguém que não quer se deixar ser conquistado?
E sobre conquistar: uma pessoa que está acostumada a SOMENTE ser conquistada é capaz de aprender a conquistar rapidamente, por querer muito ter um certo alguém?
E se o jogo da conquista parece não caminhar? Desiste, acalma ou apressa?
Se seus sinais são fracos e os da pessoa são confusos, pode haver alguma certeza?
Como trazer pra perto alguém que não cruza quase em momento algum com nosso caminho?
Precisa-se esperar a pessoa sofrer toda sua dor para começar a tentar ajudá-la?
E ajudar alguém que está sofrendo é correr o risco de sofrer também?
Se só você percebeu o QUANTO* pode dar certo, a pessoa é desligada ou não está tão interessada quanto?
Se não for pra ser um romance, vale a pena apenas tentar pra mais um passatempo?

POR QUE TOURO E LiBRA?

POR QUE TOURO E LiBRA?? DE NOVO E SEMPRE? POR QUE UM ENCAiXE TÃO PREViSíVEL? POR QUE EU JÁ NEM ME SURPREENDO QUANDO DESCUBRO? PQ EU ADORO TANTO O CHEiRO, O TOQUE, A PELE? POR QUE SEMPRE TOURO E LiBRA? PQ TÃO DELiCiOSAMENTE SiNTONiZADOS? POR QUE DE NOVO? POR QUE MAiS TOURO DELiCiA NA MiNHA ViDA?

(pra dizer a verdade já nem sei mais se é sorte ou azar!)



~*~*~*~



Por hoje é só!
Espero que a tática pra atrair comentários funcione..
Mas espero, mais ainda, que o próximo post venha com novidades boas!
Como diz Lailinha: "Esperar não faz bem!"
Boa noite a todos!
Boa sexta feira!
Ótimo fim de semana!

11 de setembro de 2011

paixão é isso aí!

eu jurei que o último post triste que eu escrevi (entitulado carinhosamente "PORRA!") seria o último post triste que eu escreveria sobre você.. seria meu último desabafo triste sobre você.. seria a última citação sobre a tristeza que havia em mim pela sua falta...

mas eu não jurei nada sobre posts alegres!

O Nellson postou esses dias: "acordar e perceber que a pessoa que vc gosta estava te olhando dormir... #bomdia"
..e hoje eu complemento: acordar sentindo o cheiro da pessoa que você gosta impregnado na sua fronha e toalha! e buscar o cheiro antes de dormir pra não morrer de saudades!
isso é gostar! isso é querer bem! isso é...#boanoite !

10 de setembro de 2011

86 inferno astral

esse ano não vou deixar!
vou virar mulher de verdade, preciso conseguir controlar!

e por incrível que pareça, o destino tá tratando de mudar os rumos pra mim! e pra melhor!
rezando forte pra que continue assim..
amém!

3 de setembro de 2011

Horóscopo Personalizado

Vênus em conjunção com Vênus natal

DE: 03/09 (Hoje) , 22h45
ATÉ: 16/09 , 0h45
Ocorrido anteriormente em: julho/2010





Atenção, Gigi:

Entre os dias 03/09 (Hoje) e 16/09, você estará vivendo o seu aniversário de Vênus! Trata-se de um momento especial, em que o planeta Vênus completa um ciclo revolutivo em torno do Sol. A qualidade deste momento envolve você se perceber mais atraente, como se irradiasse mais beleza. Este também é um momento de renovação da sua vida afetiva, em que você repensará suas prioridades e seus valores no que tange às suas relações. O momento também é propício para cuidar do visual, fazer coisas que lhe dão prazer. O aniversário de Vênus é uma fase em que percebemos quemerecemos prazer em nossas vidas. Usufrua!

31 de agosto de 2011

Me rendi a ela!

Adele!


Tradução:

*Alguém como você*

Eu ouvi dizer que você está estabilizado
Que você encontrou uma garota e está casado agora
Eu ouvi dizer que os seus sonhos se realizaram
Acho que ela lhe deu coisas que eu não dei

Velho amigo, porque você está tão tímido?
Não é do seu feitio se refrear ou se esconder da luz
Eu odeio aparecer do nada sem ser convidada
Mas eu não pude ficar longe, não consegui evitar

Eu tinha esperança de que você veria meu rosto
E que você se lembraria
De que pra mim não acabou

[Refrão] Deixe para lá, eu vou achar alguém como você
Não desejo nada além do melhor para vocês dois
Não se esqueça de mim, eu imploro
Vou lembrar de você dizer:
"Às vezes o amor dura, mas, às vezes, fere em vez disso"
Às vezes o amor dura, mas, às vezes, fere em vez disso, yeah

Você saberia como o tempo voa
Ontem foi o momento de nossas vidas
Nós nascemos e fomos criados numa neblina de verão
Unidos pela surpresa dos nossos dias de glória

Eu odeio aparecer do nada sem ser convidada
Mas eu não pude ficar longe, não consegui evitar
Eu esperava que você veria meu rosto
E que você se lembraria
De que pra mim não acabou

[Refrão]

Nada se compara, nenhuma preocupação ou cuidado
Arrependimentos e erros, são feitos de memórias
Quem poderia ter adivinhado o gosto agridoce
Que isso teria?






(me rendi a ela! eu posso sentir minha dor cantada! eu posso sentir a emoção em cada nota perfeita dela! eu me rendo!)

21 de agosto de 2011

PORRA!

como é difícil assumir alguma coisa pra si mesmo!

eu ASSUMO!

assumo que estou, toda hora, todo dia, olhando o relógio e o celular.. o relógio e o celular!
assumo que coloquei minha felicidade de novo nas mãos de alguém e que, mais uma vez (a mesma praça..) estou pagando pelo meu erro!
assumo que estou colhendo o que eu mesma plantei.. sempre soube dos riscos e mesmo assim quis inventar que era mulher, que era forte, que era macho, ou que era capaz de fazer vc ser diferente, apenas comigo.. pq de verdade, a minha burrice MAiOR* foi acreditar que seria e só eu sei o QUANTO* acreditei!
assumo que acreditei em cada palavra, em cada atitude que demonstrava um risquinho que fosse de sentimento, em cada mensagem ou abraço seguido de "que saudades!" que você soltava e, meudeus, como eu queria que fosse verdade.. como eu queria que você sentisse, ao menos por um minuto, o quanto dói ter saudades.. o quanto essa dor é FíSiCA* e aperta o peito toda vez que eu acordo de manhã na esperança de que seja esse o dia que você vai voltar a me dar um pouquinho, só um pouquinho de carinho e atenção.. e que mendiga eu sou.. estaria satisfeita com tão* pouquinho que nem seria suficiente muito tempo..
assumo que estou fingindo o tempo inteiro! fingindo não ligar, fingindo ser forte, fingindo até estar apaixonada ou interessada em outras pessoas sendo que é TUDO* fingimento! ninguém mais passou por mim desde você.. nem arrisco uma tentativa pois sei o quanto seria POUCO* qualquer outro beijo que não fosse o seu ou qualquer outro corpo que não fosse o seu ou qualquer outro cheiro.. eu, fatalmente, iria me decepcionar! eu finjo o tempo todo! finjo não ligar pros batimentos acelerados do meu coração cada vez que vc chega perto ou encosta em mim.. finjo não estar me maquiando, me penteando, me vestindo, me banhando o tempo iNTEiRO* pensando na chance de te encontrar.. finjo que talvez eu seja até mais forte que você e esteja mais feliz que você apesar de estar morrendo de solidão e saudades suas e apodrecendo por dentro! finjo que ter carro e emagrecer vai me deixar mais segura e aí sim terei forças pra pisar em você! imagine só.. eu pisando em você! logo eu, que não piso nem em quem merece e em quem implora pra ser pisado! imagine se justo em você eu seria capaz de pisar!

mentira!

o máximo que eu conseguiria fazer é dizer sim! e enxer sua cabeça de cafuné até você dormir do meu lado.





pqp, que saudades da sua cama!

não é fácil.. é estranho!

to tão estranha que nem sei o que eu quero postar!
queria postar Caio Fernando, queria postar uma música, queria postar um p* texto..
e agora, de repente..
só quero dormir!

de medo e de estranhismos!

10 de agosto de 2011

ei mãe..



antigamente, eu sabia exatamente o que fazer!
na verdade, nunca soube!

5 de agosto de 2011

Carta de Despedida

"Meu querido Gilmar...

Não podia partir sem despedir-me! Sei que não é o correto que isso seja feito através de uma carta, porém não seria capaz de fazê-lo pessoalmente, eu não aguentaria então aqui vão algumas das coisas que eu quero dizer-lhe:
Estou partindo, dessa vez o universo pregou-me uma boa peça e eis que agora me encontro em situação sem escolha. Parto e deixo contigo todo meu carinho e todos os beijos que demos e também, principalmente, os que deixamos de dar.
Nossa paixão foi uma das coisas mais loucas que houve em minha vida. Você sabe o quanto te desejei e eu sei o quanto te torturei. Tudo sempre foi delicioso em nossos pensamentos e tocar-te era sempre uma alegria, uma explosão, enfim...
Agora que estou indo embora, preciso te lembrar bem de uma coisa: certo dia você me contou sobre uma história que o tempo te trouxe de volta.. Me falou sobre a sua teoria de que, quando as coisas são para acontecer, elas acontecem, mesmo que isso demore demais.. Eu estou partindo, estamos na metade de 2011 e pouca coisa entre nós está resolvida.. Eu te deixo com uma certeza: EU VOU VOLTAR PRA SUA ViDA!
Mais cedo ou mais tarde, eu sei disso e você também sabe! O destino há de nos unir e tornar toda essa vontade e essa loucura que criamos em uma realidade!
Por favor, me procure algumas vezes para que eu me lembre o que é sentir frio na barriga e tremores internos.. Você me manterá viva e assim sua lembrança nunca estará ausente!

Fique aqui com meu beijo, com meu carinho e, principalmente, com o meu "até logo"!!!

Da sua, sempre e toda sua,
Mariana!"

30 de julho de 2011

SURTADA! SURTANDO!

talvez eu precise ir pra Limeira City..
passar uns dias na casa azul, pensando em nada além de comer e dormir e livro e piscina e sorvete de milho..
talvez eu precise pegar minha folga dessa semana, entrar num onibuzinho daqueles que eu adorava há uns anos atrás e me mandar pra praia, passar um dia no mar de Iemanjá pedindo pra ela me ajudar a clarear minhas idéias..
talvez eu precise de férias das pessoas, da hostilidade do mundo, porra, eu tenho 20 anos e ainda não me conformei que a maioria das pessoas, se tiver uma oportunidade de ser cruel, será!
talvez eu precise mesmo de um cantinho só meu, de um conjunto de pratos comprado por mim mesma, de um cobertor e filme e livro sem nada tocando nem ninguém questionando..
talvez eu precise rever TUDO e pensar em TUDO e talvez mudar TUDO pra aí sim, pensar em começar TUDO de novo e por algum outro lado..
talvez eu não precise de um coração novo, apenas de uma nova chance pra fazer o meu voltar a bater!

talvez seja nada disso!

27 de julho de 2011

é destino... vc me pregou uma peça!

mudar os rumos!
esse é o momento!
a Gloss estava certa!
não é desistir do objetivo, é mudar o caminho!

adeus, etec.. foi bom!